LITTUS SILVA

DESENHISTA, PINTOR E ESCULTOR

Littus nasceu em 1953 na cidade de Alagoinhas, Bahia. Aos treze anos ganha do seu pai pincéis, tintas e cavaletes e começa a pintar seus sonhos. Hoje, se reconhece como artista visual autodidata e que tem a Arquitetura como uma das suas linguagens. É desenhista, pintor e escultor. Tem sua arte como mensageira das unidades resistentes da cultura Tupinambá. Denomina Alagoíndio aqueles que se apropria destas unidades materiais e imateriais e se constrói como sujeito Afrodescendente na sua região. Legitimado assim, a existência cultural de uma África Tupi, em seu território agreste da Bahia. Realizou a sua primeira exposição individual, em 1972 na sua cidade natal. Hoje tem obras espalhadas em vários países e participou de inúmeras exposições coletivas e individuais por todos estes anos.

Lttus é um artista plástico e designer natural da Bahia, Brasil, que atua profissionalmente há 48 e cuja obra enfoca as riquezas culturais dos sertanejos e dos indígenas Tumpinambás que constituíram os primeiros agrupamentos humanos da região onde habita. Seu interesse artístico versa sobre o universo mítico das crenças que interpretam a criação do mundo, do homem e das coisas e, paralelo a esses conteúdos, avulta a presença feminina, em geral constituída por mulheres de grande força expressiva que comunicam tradições culturais. Sua produção mais recente em aquarela e pastel seco concilia a força daquele universo regional mítico com ensaios de atmosfera predominantemente lírica, nos quais o feminino assume não somente caráter de enigma visual, mas também de força e de beleza. Assim, beleza e transcendência coexistem por meio da delicadezaz da expressão artística de Littus.

Salvador, junho de 2020.

Dilson Midlej

Doutor em artes visuais e professor de história da arte da escola de belas artes da ufba